sábado, 7 de março de 2015

Tome nota


Precisa-se de bloco de notas
com número de páginas suficiente
para guardar cores e sabores 
sem conta, de um domingo dado
à monocromia azul de Picasso.

Que se anote o lugar do guardado
e que se traga de lá, caso minha
memória careça, um bocadinho de
carmim e um retalho de jade, um ramo
de alecrim e uma semente que arde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Diga, então...