sexta-feira, 29 de março de 2013

Reza

para Gabriela Correia

que o poço seja raso
o píer seja ponte
o pé não perca o breque
pouca altura tenha o monte

ou que não me falte coragem


quarta-feira, 27 de março de 2013

De volta ao ponto

Foto: minha mesmo

numa ponta da pá
meu medo e eu

ele a esconder pergunta
e eu remanchando resposta

da pá, a outra ponta 
cavouca lugar ermo em mim

dali ainda ouço o medo

remexo
embora ainda remanche

domingo, 24 de março de 2013

Da boca pra fora

Foto: minha mesmo | Olhando o tempo em Alhambra

para Clouse Marinho

um sorriso
um sussurro
um grito
um sim 
ou não
bem dito

sentimento
da boca pra dentro
atitude
da boca pra fora
para que as caladas coisas
não protagonizem
as rugas
que comecem
a nos desenhar a face

Coisa antiga

Para Nena, a imagem e o poema

quando o poema novo
quer contar coisa já dita,
a palavra vem assim,
de forma dificultosa.

já esculpida uma vez,
primeiro é esta procura
que não sabe onde achar
imagem mais caprichosa.

o bom mesmo é não largar
a intenção do começo
e deixar de lado o risco
de palavra aparatosa

meu poema quer somente
deixar ver o amor que corre,
maior que o amor de ontem,
em veia tão caudalosa.

sábado, 9 de março de 2013

Outra cisma

Foto: minha mesmo | Espiando o fazer dos outros

desde a última escrita do testamento, 
a morte cismou comigo.

em vez de cisma de ataque,
ela cismou de abandono.

eu olho,
ela me nega.
diz não vem.
desistiu
pra nunca mais.

sei que me ilude
e,
mais sabida,
sabe que agora
gosto
de outra cantiga.

dei-me a gozar
gozos novos,
daqueles de arrumar mesa
e chamar visita.